Estamos Ao Vivo
Estamos Ao Vivo
Grupo Pilau

Prevenção é a melhor forma de combater a multiplicação do Aedes aegypti

Publicada em 28/01/2024

  • Prevenção é a melhor forma de combater a multiplicação do Aedes aegypti

Para evitar a reprodução do mosquito Aedes aegypti, transmissor da dengue, chikungunya, zika e febre amarela, e consequentemente reduzir a disseminação dessas doenças, é fundamental que toda população esteja comprometida com a limpeza de pátios e quintais das residências.

A Secretaria Municipal de Saúde, através da Vigilância Ambiental em Saúde, envia agentes de campo aos bairros e vilas do município para realizar um trabalho de conscientização, inspecionando casas e orientando à comunidade. “Todos os dias, durante o ano todo, a equipe vai para a rua e conta com a receptividade dos moradores, todos nós estamos juntos nesse trabalho de controle do mosquito, que é em benefício de toda a população. Em alguns locais ainda encontramos uma certa resistência, principalmente, em casas fechadas e pátios baldios”, ressalta João Assis, supervisor dos agentes de combate às endemias da SMS.

Com as chuvas frequentes seguidas de calor, diversas medidas preventivas são necessárias como manter o terreno limpo e livre de materiais ou entulhos que possam se tornar focos de água parada, tampar os tonéis, baldes e caixas d’água, manter piscinas e calhas limpas, garrafas sempre viradas com a boca para baixo, lixeiras tampadas, ralos limpos e com aplicação de tela; limpar os potes de água dos animais; verificar e retirar água acumulada em pneus, copos, potes, tampinhas, vidro, casca de ovos, pratinhos de vasos de plantas, lonas, dentre outros recipientes.

Conforme relata a moradora do bairro Perpétuo Socorro Jacira Ramos Silva, a população precisa colaborar, pois é uma questão de saúde pública. “Eu já tive dengue, em outro estado onde morei, ela nos deixa debilitada. Ela é uma doença que se alastra pela falta de capricho do povo, porque não precisa muito tempo para o mosquito se desenvolver e atacar qualquer um. Não é apenas o meu bem-estar que está em jogo, é o bem-estar de toda a comunidade”, diz Jacira.

Outras recomendações são utilizar repelentes, telas de proteção nas janelas e estar atento aos horários onde o Aedes é mais ativo, nos períodos do nascer e do pôr do sol. Em caso de sintomas como febre alta, dor de cabeça, dores no corpo e nas articulações, fraqueza, enjoo, vômitos, dor atrás do olhos, irritação e manchas na pele a pessoa deve procurar atendimento na unidade de saúde mais próxima de sua casa.


Com informações da Prefeitura Municipal

Rádio Cruz Alta - Rádio Jornalismo

Grupo Pilau de Comunicações

Confira outras imagens

  • Prevenção é a melhor forma de combater a multiplicação do Aedes aegypti
  • Prevenção é a melhor forma de combater a multiplicação do Aedes aegypti
prumo condominios
CLARO
Rádio Cruz Alta

Anuncie conosco


(55) 3322-7222

© 2019 Grupo Pilau. Todos os direitos reservados.
Portal produzido pela Netface