Estamos Ao Vivo
Estamos Ao Vivo
Grupo Pilau

Jogador da SER CRUZ ALTA leva tapa de PM após partida pela Série B do Gauchão

Publicada em 16/11/2023

  • Jogador da SER CRUZ ALTA leva tapa de PM após partida pela Série B do Gauchão

A detenção de um jogador pela Brigada Militar da SER Cruz Alta em Gramado, após partida pela Série B do Gauchão no domingo (12),  ganhou novo capítulo nesta quarta-feira (15). Um vídeo mostra um policial acertando um tapa na cabeça do atleta, mesmo ele já algemado, sentado no banco de reservas e cercado por sete PMs. Ele teria desacatado a ordem de prisão, motivada por ofensa feita ainda durante o jogo.

— Usaram força como se eu fosse bandido. Não entendi — afirmou o jogador a GZH, pedindo para não ter o nome revelado.

Consultado pela reportagem, o capitão Marcelo Montini, comandante da BM de Gramado, enviou uma resposta:

— Com relação aos fatos, será instaurado procedimento administrativo investigatório, a fim de apurar a conduta adotada pelos policiais militares.

 

ENTENDA O CASO

No final da partida em que o Gramadense venceu a SER Cruz Alta por 4 a 0 e se classificou para as semifinais da Série B do Gauchão, aconteceu uma confusão que começou aos 35 minutos do segundo tempo, quando a bola saiu para lateral em direção aos policiais.

Nesse momento, segundo a Brigada Militar, o atleta do Cruz Alta teria ofendido os PMs, supostamente por terem retardado a devolução da bola. Diante disto, a BM informou à comissão técnica do clube de que, ao fim da partida, o jogador seria notificado.

Após o apito final, a Brigada Militar teria ido até o vestiário da SER Cruz Alta para registro da ocorrência. Segundo o relato do jogador, houve excesso de força na ação policial. Os colegas de time tentaram intervir e a confusão aumentou. Jogadores e comissão técnica afirmam que um PM deu dois tiros de bala de borracha em direção ao chão, próximo aos pés do treinador.

Em um comunicado à imprensa, horas depois do fato, a BM informou que houve desacato por parte do jogador. Após desobedecer ao chamado da polícia, o atleta teria tentado fugir, fato que teria feito com que a guarnição reagisse. A nota cita também que a reação coletiva de atletas fez com que um grupo da Força Tática fosse acionado.

Em entrevista a GZH na terça (14), o jogador diz não lembrar o que falou aos PMs na partida:

— Só peguei a bola na hora, ele não a alcançou para mim. Quando terminou o jogo, os brigadianos vieram em minha direção. Levantei as mãos e sem entender nada eles usaram a força excessiva. Começaram a dar tiros de borracha.

 

JOGADORES DA SER CRUZ ALTA RECLAMARAM DE EXCESSOS NA AÇÃO DA BM

Sob protestos da delegação da SER Cruz Alta, o jogador foi algemado e preso. Em seguida, ele foi encaminhado para o hospital para a realização de exames e, posteriormente, até a delegacia. Conforme o atleta, os ânimos estavam mais calmos na delegacia.

— Depois que os ânimos se acalmaram, um policial até me pediu desculpas e deu uns conselhos, entendeu que foi por causa do jogo. Só foi desnecessário usar a força e sair algemado do campo. Simplesmente por falar um negócio no calor do jogo.

Comunicado da BM logo após o jogo

No dia 12 de novembro de 2023, por volta das 17h, na rua Leopoldo Tissot, estádio da Vila Olímpica, bairro Várzea Grande, em Gramado, durante a partida, o atleta da equipe do Cruz Alta desacatou um Soldado da Força Tática, com palavras de calão. A guarnição informou ao técnico do clube, bem como ao delegado da partida, de que ao término do jogo, o jogador responsável pelas ofensas fosse apresentado para confecção da documentação pertinente.

Ao final da partida, o jogador em questão foi chamado pela equipe policial, momento em que tentou evadir-se para o interior do vestiário, desobedecendo as ordens emanadas, ato contínuo, passou a resistir ativamente contra a equipe, sendo necessário o uso da força para contenção do jogador, momento em que a equipe do Cruz Alta investiu contra a equipe de Forca Tática.

Diante dos fatos e pelo tumulto causado no local, foi necessário remover o jogador do ambiente, sendo o mesmo encaminhado ao hospital para realização de exame de lesões e posteriormente a delegacia de polícia para registro, onde foi lavrada a ocorrência.

 

Com Informações do Portal GZH

Paulinho Barcelos

Rádio Jornalismo – Rádio Cruz Alta

Grupo Pilau de Comunicações

Criação de Sites e Desenvolvimento de Sites - Netface
CLARO
prumo condominios

Anuncie conosco


(55) 3322-7222

© 2019 Grupo Pilau. Todos os direitos reservados.
Portal produzido pela Netface