Estamos Ao Vivo
Estamos Ao Vivo
Grupo Pilau

Quatro crianças são encontradas mortas dentro de casa em Alvorada

Publicada em 14/12/2022

  • Quatro crianças são encontradas mortas dentro de casa em Alvorada

Quatro crianças foram encontradas mortas dentro de uma residência em Alvorada, na região metropolitana de Porto Alegre. O crime aconteceu na Rua Hermes Pereira de Souza, no bairro Piratini, em uma pequena casa de madeira. Segundo o delegado Edimar Machado, titular da Delegacia de Homicídios de Alvorada, os vizinhos acionaram a Brigada Militar (BM) por volta de 19h30min desta terça-feira (13).  

O pai delas, David da Silva Lemos, 28 anos, foi preso em flagrante, na madrugada desta quarta-feira (14), em Porto Alegre por suspeita de ter sido o autor dos assassinatos.

Foram mortas três meninas, de três, seis e 11 anos, e um menino, de oito anos. Todos eles eram filhos da mesma mulher, de quem Lemos estava separado há algum tempo.

Segundo o delegado Augusto Zenon, plantonista do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), ao ser levado até a delegacia, Lemos narrou informalmente aos policiais como se deu o crime.

— A motivação decorreu em razão de desavenças com a ex-companheira. Como forma de causar mal, vingança — afirma o delegado.

Ainda conforme o policial, o crime teria acontecido no fim da tarde de segunda-feira (12). As crianças tinham sido deixadas com o pai para passar o fim de semana na casa dele em Alvorada. A avó paterna havia saído para trabalhar, na segunda-feira, e foi quem localizou os corpos dos netos no final da tarde de terça.

O homem ainda contou aos policiais, segundo o delegado, que teria usado um chá para dopar os filhos antes do crime. No entanto, somente a perícia poderá confirmar se as crianças foram mesmo dopadas.

Zenon afirma que a possibilidade de as vítimas estarem sedadas durante o crime realmente condiz com o que foi apurado no local. A faca usada nos homicídios foi aprendida na casa.

— Os vizinhos nos arredores realmente não ouviram gritos, nem nada. Ele (o suspeito) contou que levava cada criança em separado para dentro da casa, que a criança entrava em estado de relaxamento, dormia, era asfixiada e então ele desferia os golpes de faca — diz o delegado.

O delegado confirmou que havia episódio de registro de violência doméstica e que a mulher chegou a ter medida protetiva de urgência contra o ex-companheiro. A polícia, contudo, ainda não conseguiu apurar se a ordem judicial estava em vigor.

Ainda conforme o delegado, as vítimas teriam sido atingidas por pelo menos 10 golpes de faca. A criança de três anos foi asfixiada.

Depois do crime, o pai teria seguido para Porto Alegre e ainda trocou mensagens por telefone com as mães das crianças. O preso deixou o Palácio da Polícia às 8h50min, de onde foi conduzido ao sistema prisional.

Com informações - GaúchaZH

Rádio Jornalismo - Rádio Cruz Alta

Grupo Pilau de Comunicações


Confira outras imagens

  • Quatro crianças são encontradas mortas dentro de casa em Alvorada
prumo condominios
CLARO
Rádio Cruz Alta

Anuncie conosco


(55) 3322-7222

© 2019 Grupo Pilau. Todos os direitos reservados.
Portal produzido pela Netface