Estamos Ao Vivo
Estamos Ao Vivo
Grupo Pilau

Faltam 263 mil doses de CoronaVac para aplicação da segunda dose no RS

Publicada em 27/04/2021

  • Faltam 263 mil doses de CoronaVac para aplicação da segunda dose no RS

A falta de imunizantes CoronaVac/Butantan no Rio Grande do Sul, especificamente para a segunda aplicação, é estimada nesta segunda-feira (26) em 263,8 mil doses. O cálculo foi feito pela Secretaria Estadual da Saúde (SES), após diversos municípios gaúchos começarem a anunciar a paralisação da aplicação da segunda dose por falta de imunizantes.

Conforme a SES, “faltam 40.470 doses para concluir o esquema vacinal de idosos que receberam doses da remessa distribuída no dia 20 de março” e outras “223.400 doses para as segundas doses da remessa distribuída no dia 26 de março” (veja íntegra da nota ao final). O uso da maioria das vacinas para aplicação da primeira dose, sem reserva de imunizantes para aplicação da segunda dose, é uma decisão tomada pelo Estado do Rio Grande do Sul em parceria com os Conselho das Secretarias da Saúde dos municípios gaúchos. A prática vem sendo adotada pelo governo do Estado desde a segunda remessa de vacinas.

No mês passado, esta passou a ser, também, a orientação nacional, emitida pelo Ministério da Saúde. Em 21 de março o governo federal orientou todo o país a priorizar a aplicação da primeira dose.

Por meio de nota, a SES afirma que Estado e municípios gaúchos “optaram por imunizar o maior número possível de pessoas, priorizando as primeiras doses e planejando a segunda dose em um intervalo de 28 dias, para uma melhor resposta imunológica”. A pasta acrescenta que “o resultado dessa estratégia foi uma maior agilidade na aplicação da vacina na população gaúcha, o que mantém o RS no topo do ranking dos Estados que mais vacinam, proporcionalmente, no país”.


Fonte: GaúchaZH

NET FACE
TAVOLA ASSESSORIA IMOBILIARIA
prumo condominios

Anuncie conosco


(55) 3322-7222

© 2019 Grupo Pilau. Todos os direitos reservados.
Portal produzido pela Netface