Estamos Ao Vivo
Estamos Ao Vivo
Grupo Pilau

Suspeito de matar prefeito de Lajeado do Bugre é preso em Santa Catarina

Publicada em 25/12/2022

  • Suspeito de matar prefeito de Lajeado do Bugre é preso em Santa Catarina

O principal suspeito do assassinato do prefeito de Lajeado do Bugre, ocorrido em novembro, foi preso na madrugada deste sábado (24), em São João Batista, município distante 80 quilômetros de Florianópolis, em Santa Catarina. Ele foi detido por porte ilegal de uma pistola 9 milímetros, munição e duas porções de maconha.

Além de ser apontado pela investigação como autor dos disparos que tiraram a vida de Roberto Maciel Santos, 45, também pode ser indiciado por estupro de vulnerável, pois foi encontrado com uma menina de 13 anos que ele disse ser sua namorada.

— Ele é foragido do Estado, já tinha outros mandados de prisão em aberto por homicídio e roubo, estava escondido em uma casa na área rural. Ele manteve o silêncio no momento da prisão, uma equipe da Polícia Civil gaúcha vai até lá colher o depoimento no começo da semana — detalhou a delegada Aline Dequi, responsável pela investigação no norte do Rio Grande do Sul.

A prisão foi possível porque a PC gaúcha acionou a Polícia Militar de Santa Catarina, que fez a abordagem e deteve o suspeito um mês depois do crime. Em 24 de novembro, o prefeito de Lajeado do Bugre, Roberto Maciel Santos (PP), 45 anos, conhecido como Betinho, foi morto a tiros dentro do próprio gabinete. 

De acordo com o relato de testemunhas à polícia na época, um homem chegou em um veículo e entrou na prefeitura. Na portaria, ele teria pedido informação sobre onde ficava o gabinete do prefeito e se ele estava ali. Depois, dirigiu-se ao local e disparou diversas vezes contra Santos.

Com informações - GaúchaZH

Rádio Jornalismo – Rádio Cruz Alta

Grupo Pilau de Comunicações

prumo condominios

Anuncie conosco


(55) 3322-7222

© 2019 Grupo Pilau. Todos os direitos reservados.
Portal produzido pela Netface