Estamos Ao Vivo
Estamos Ao Vivo
Grupo Pilau

Cruz Alta terá Dia D para multivacinação

Publicada em 15/10/2021

  • Cruz Alta terá Dia

O Dia D da campanha que busca colocar em dia a imunização de crianças e adolescentes até 15 anos acontece neste sábado, 16. Com a multivacinação, todas as salas de vacina  ficarão abertas das 9h às 16h para estimular e facilitar o acesso à imunização. É importante levar a carteira de vacinação e o cartão SUS.

“A ação tem por objetivo manter a carteira de vacinação em dia e assim cuidar da saúde de crianças e adolescentes. Fizemos um chamamento para o Dia D”, comenta a Enfermeira da Vigilância Epidemiológica, Joice Miron Grenzel.

A campanha está acontecendo nestas unidades: ESF Toribio Veríssimo;ESF Abegay; ESF Alvorada; ESF Santa Rita; ESF Brum; ESF Jardim Primavera; ESF Vila Nova; ESF São Genaro; ESF B. Nott; ESF Centro; Centro de Saúde da Mulher e da Criança. “Para a multivacinação, durante a semana, vamos fortalecer a vacinação de rotina no CSMC. A ESF Centro segue como referência e apoio para vacinação contra a COVID-19. As demais salas de vacinação nem sempre estarão abertas, já que isto vai depender da escala de vacinadoras na vacinação contra a COVID-19”.

Entre as vacinas ofertadas até 7 anos, estão:

BCG

Hepatite B

Pentavalente

Pólio inativada

Pólio oral

Rotavírus

Pneumocócica 10- valente

Meningocócica C

Febre amarela

Tríplice Viral

DTP

Hepatite A

Varicela

Vacinas ofertadas para a faixa etária dos 7 a menores de 15 anos:

Hepatite B

Febre amarela

Tríplice Viral

Difteria e tétano adulto

Meningocócia ACWY

HPV quadrivalente

A estratégia é importante neste momento para elevar as coberturas vacinais, que já vinham em um cenário de queda nos últimos anos e que a pandemia acentuou ainda mais.

A pandemia de covid-19 acentuou em 2020 a queda na procura por essas vacinas de rotina, conforme dados da Secretaria da Saúde (SES). Isso aumenta a chance de que doenças consideradas erradicadas possam voltar a circular ou aquelas que vinham com baixos índices aumentem. Em especial pelo momento atual, de gradativa retomada das atividades e retorno desse público às escolas.

Índices baixos de vacinação aumentam os riscos para doenças imunopreveníveis, como coqueluche, poliomielite, sarampo, caxumba, rubéola, varicela, meningite meningocócica e pneumocócica, gastroenterite por rotavírus, hepatites A e B, entre outras.

“Procure a sala de vacina mais próxima, afinal, vacinar é proteger. A atualização da situação vacinal aumenta a proteção contra as doenças imunopreveníveis, evitando a ocorrência de surtos e hospitalizações, sequelas, tratamentos de reabilitação e óbitos”, diz a Vacinadora do Centro de Saúde da Mulher, Simone Rocha.

Adolescentes que tenham se vacinado contra a Covid-19 podem tomar outras vacinas do calendário sem precisar esperar um intervalo mínimo. A orientação foi oficializada pelo Ministério da Saúde na nota técnica nº 1203/2021 da Coordenação-Geral do Programa Nacional de Imunizações (CGPNI).

Rádio Cruz Alta - Aplicativo
UNINTER

Anuncie conosco


(55) 3322-7222

© 2019 Grupo Pilau. Todos os direitos reservados.
Portal produzido pela Netface