Estamos Ao Vivo
Estamos Ao Vivo
Grupo Pilau

USDA traz vendas bem fracas de soja e milho dos EUA nas safras velha e nova

Publicada em 22/07/2021

  • USDA traz vendas bem fracas de soja e milho dos EUA nas safras velha e nova.

O USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos) trouxe seu novo boletim semanal de vendas para exportações e chegou com números fracos mais uma vez, e dados abaixo das expectativas para o milho e o farelo de soja da safra nova. "Os preços altos estão destruindo a demanda. As vendas semanais vieram muito fracas", explicam os analistas de mercado da Agrinvest Commodities.

 

SOJA

As vendas semanais de soja da safra velha foram de apenas 62 mil toneladas, dentro de um intervalo esperado pelo mercado do cancelamento de 50 mil à venda de 200 mil toneladas. O Japão foi o principal comprador. Em toda a temporada, as vendas chegam 61,99 milhões de toneladas e já superam a estimativa total do USDA de 61,78 milhões. 

Da safra nova, as vendas foram de 176,3 mil toneladas, também dentro do esperado pelo mercado de 100 mil a 400 mil toneladas. Destinos não revelados responderam pela maior parte das compras. 

"A China não compareceu novamente, esta é a quarta semana ausente. Com exceção das vendas de 1,67 milhão de toneladas há duas semanas - vendas para a Sinograin, gestora das reservas na China, - as empresas chinesas não comparecem nas vendas americanas há pelo menos 11 semanas. A combinação de margens negativas e a concorrência com a soja sul-americana pressiona as vendas americanas", explica Eduardo Vanin, analista de mercado da Agrinvest

 

MILHO

 As vendas semanais de milho da safra 2020/21 dos EUA vieram negativas em 88,5 mil toneladas, enquanto os traders esperavam algo entre o cancelamento de 100 mil e a venda de 300 mil toneladas. A maior parte do cereal foi adquirida pelos japoneses. Assim, em todo o ano comercial, o total de milho já comprometido pelo s EUA chega a 69,770,6 milhões de toneladas, contra o total estimado pelo USDA de 72,39 milhões de toneladas. 

Da safra nova as vendas foram ainda mais fracas e vieram em apenas 47,7 mil toneladas, aquém das expectativas do mercado de 100 mil a 400 mil toneladas. E o Japão também se destaca como principal comprador. 

"Vendas muito fracas para ambas as temporadas. Houve um cancelmento de 284 mil toneladas na semana. O total embarcado de milho foi de 1,06 milhão de toneladasl, sendo que a China embarcou 477 mil toneladas na semana, abaixo do esperado, e ainda tem 4,43 milhões de toneladas em seu nome para serem embarcadas na safra 2020/21, metade do total em aberto. A China deverá rolar parte desse volume em aberto para a próxima semana", completa Vanin. 

DERIVADOS DE SOJA

Ainda de acordo com as informações do USDA, as vendas semanais de farelo de soja dos EUA foram de 68,3 mil toneladas da safra velha, marcando o menor volume do ano, e abaixo das expectativas do mercado de 75 mil a 300 mil toneladas. A Irlanda foi a maior compradora do derivado. Da safra nova, as vendas foram de apenas 19,1 mil toneladas, contra projeções de 100 mil a 200 mil toneladas. O Canadá foi o principal comprador. 

De óleo de soja, as vendas da safra velha foram de apenas 700 toneladas, enquanto o mercado esperava algo entre o cancelamento de 20 mil e as vendas de 20 mil toneladas. O México responde pelo maior volume. 

Fonte: Notícias Agrícolas

UNINTER
Rádio Cruz Alta - Aplicativo

Anuncie conosco


(55) 3322-7222

© 2019 Grupo Pilau. Todos os direitos reservados.
Portal produzido pela Netface