Estamos Ao Vivo
Estamos Ao Vivo
Grupo Pilau

4ª remessa de Kits de Alimentação é distribuída para alunos da rede municipal

Publicada em 17/07/2020

  • 4ª remessa de Kits de Alimentação é distribuída para alunos da rede municipal

Nesta semana a Secretaria Municipal de Educação realiza a entrega da 4ª remessa de Kits de Alimentação para os alunos das escolas municipais, em situação de vulnerabilidade social. A iniciativa visa amenizar os impactos da interrupção das aulas causada pela pandemia de Coronavírus na vida dos estudantes que tinham na merenda uma de suas principais fontes de alimentação.

Ao todo foram mais de 1200 kits que estão sendo distribuídos entre quarta, quinta e sexta-feira (15, 16 e 17 de julho). Além da equipe da Administração Municipal e Secretaria Municipal de Educação que trabalha na organização, compras dos alimentos e montagem das cestas, os Diretores, Professores e Equipes das escolas estão envolvidos, trabalhando intensamente e direcionando seus esforços para auxiliar a comunidade neste momento difícil.

A Secretária Municipal de Educação de Cruz Alta, Dr.ª Elizabeth Fontoura Dorneles, ressaltou que a medida garante a segurança alimentar das crianças de Cruz Alta e possibilita a manutenção da sua saúde. “Nós podemos dizer que temos orgulho pelos nossos princípios, por aquilo que nos moveu a, imediatamente, quando foram suspensas as aulas, fazer a entrega do 1° Kit de Alimentos para aquelas crianças que demonstravam necessidade. Estamos trabalhando em Cruz Alta, nessa administração, a gestão de uma crise sanitária tremendamente profunda, por isso a nossa preocupação é sempre manter a saúde e a dignidade das pessoas. E nós sabemos que os nossos alunos, em algumas situações, dependem desse alimento da escola para que possam manter a sua segurança alimentar. Isso nos levou a agir de imediato, por isso já estamos na 4ª distribuição de Kits de Alimentos.

Outra questão muito importante é que fomos o 1° município na região que adotou a distribuição de Kits de Alimentos e o 2º no estado. Mesmo antes de haver uma legislação que regulamentasse a prática, nós entendemos isso como uma necessidade conforme nossos princípios e não ficamos esperando. Consultamos o CAE, Conselho de Alimentação Escolar, que baseado nos mesmos princípios do direito a uma alimentação saudável para as crianças, aprovou a nossa ideia já com recomendações para as próximas distribuições. O fato de sermos pioneiros nos levou inclusive a prestar consultoria para municípios da região, que depois disso também passaram a fazer as suas distribuições. Nós gostaríamos que a disseminação do vírus cessasse de uma vez, mas sendo necessário estamos preparados, fizemos o nosso planejamento, para continuar distribuindo os Kits de Alimentação enquanto nossos alunos não puderem fazer a refeição na escola. Para nós é uma questão, acima de tudo, de solidariedade e de cuidado com as pessoas”, destacou a Secretária.

Cada kit contém açúcar, arroz, achocolatado, biscoito doce, biscoito salgado, feijão, flocos, leite, macarrão, óleo, alho (50 g), 01 kg de banana caturra, 01 kg de beterraba, 01 kg de cenoura, 01 kg de cebola, 01 kg de mandioca, 01 dz de ovos, 01 und de repolho e 01 kg de tomate.

 

Como são escolhidos os alimentos que vão no kit?

Todos os alimentos são criteriosamente escolhidos para reforçar a saúde das crianças, conforme a Nutricionista da Secretaria Municipal de Educação de Cruz Alta, Patrícia Daltrozo. “Importante reforçar que trabalhamos com a saúde dos alunos. Os alimentos entram no cardápio com essa qualidade para que as crianças tenham a imunidade reforçada, sejam saudáveis e não precisem usar medicamentos”, destacou.

Os kits enviados para os alunos buscam respeitar critérios como aporte energético adequado para garantir a manutenção da saúde, crescimento e desenvolvimento, respeitar a cultura alimentar local, respeitar a vocação agrícola da região, sazonalidade para maior aproveitamento da produção de alimentos, garantir a oferta de alimentos seguros do ponto de vista higiênico sanitário e promover alimentação saudável. Os alimentos incluídos respeitam as necessidades energéticas e nutricionais dos alunos, sendo ofertados gêneros para manter o aporte calórico e proteico, conforme recomendações do FNDE. Os produtos contêm ainda minerais e vitaminas importantes para aumento da imunidade em um período de inverno e pandemia.

Destacamos a grande oferta de alimentos in natura, minimamente processados. Os carboidratos vindos dos grãos, cereais e raízes:  arroz parboilizado, feijão preto, carioca, batata doce e mandioca para dar energia aos alunos. As proteínas de alto valor biológico e absorção serão garantidas através dos ovos e do leite em pó, UHT, sendo os lácteos ricos em cálcio, que é fundamental para a saúde dos ossos.  O ovo é rico nutrientes como vitamina A, que é essencial para aumentar a imunidade do organismo, e é riquíssimo em proteínas.

Os vegetais incluídos são ricos em vitaminas A, C, complexo B, ácido fólico, fósforo, zinco, fibras e antioxidantes, auxiliando no reforço da imunidade, saúde do coração, rins, olhos, pele. As frutas que compõe o kit além de serem saborosas e da estação, são ótimas fontes de potássio, fósforo, vitamina C, magnésio, fibras, vitamina B6. Feijão também é rico em ferro mas para boa absorção precisa ser consumido em conjunto com a laranja ou tomate (vitamina C).

Quais são os critérios para recebimento dos Kits?

Os critérios para a distribuição obedecem 3 pré-requisitos. Estão aptos a receber os alimentos crianças cujas famílias estão inscritas no Programa Bolsa Família, de acordo com registro já existente e analisados pela equipe da SME; crianças de famílias que constam no CadÚnico, conforme dados da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social, e que ainda não receberam o Auxílio Emergencial do Governo Federal –R$600,00, no mínimo; e Crianças de famílias que ainda não estão inscritas no CadÚnico, mas que a direção da Escola constata que estão em situação de necessidade.

O diálogo é sempre aberto nas instituições, para que caso uma família entre em situação de necessidade, possa fazer a sua solicitação. No momento do recebimento, o responsável assina a retirada do Kit de Alimentação juntamente com o número de um documento de identificação, a fim de confirmar e registrar a entrega.

Fonte: Secretaria Municipal de Educação de Cruz Alta

Confira outras imagens

  • 4ª remessa de Kits de Alimentação é distribuída para alunos da rede municipal
ROSMER PALACE HOTEL

Anuncie conosco


(55) 3322-7222

© 2019 Grupo Pilau. Todos os direitos reservados.
Portal produzido pela Netface